A Esperança da Caixa de Pandora

Apesar de todo o caos ela existe!

Retrospectiva da vida

with 8 comments

Festas de final de ano chegando e todos entram no ritmo de confraternização, comemoração e espírito de solidariedade. Com a chegada do outro ano vem aquele pensamento a mente: valeu a pena? E as conclusões sobre nossa retrospectiva são as mais diversas, um balanço justo e honesto do que faltou e do que excedeu.

Rever as ações pode ser algo muito prazeroso, relembrar momentos importantes e inesquecíveis, cheiros, abraços, sorrisos e carinhos, porém as lembranças talvez não sejam tão agradáveis para alguns. Um ar de decepção, aborrecimento e até mesmo arrependimento por algumas palavras ditas em horas erradas.

Apesar de algumas sensações serem desagradáveis, esta é a hora certa para fazer uma análise de si mesmo, buscar orientações, respostas, ir atrás de soluções, acertar os maus passos, reciclar ideias e conceitos.

Não é vergonhoso voltar atrás, não é vexatório admitir um erro. Aliás, considero isso muito honrado. É um degrau para a evolução. A perfeição eu deixo para os santos e para os contos infantis. Se tudo fosse perfeito a vida seria muito chata de ser vivida. A estética perfeita nada mais é do que uma imagem falsa projetada na realidade cotidiana.

Contudo, as ações devem ser pensadas e refletidas. Os erros acontecem, mas não é para repeti-los e sim, eliminá-los. Eles são incentivos para a busca da sua felicidade. Parar o tempo não é possível, como também não dá para voltar ao passado. Por isso, esta avaliação precisa ser muito bem ponderada porque às vezes não existe uma segunda chance.

A retrospectiva deve ser encarada como um incentivo para uma nova etapa. Jogue fora o que ficou velho, ultrapassado e não tem mais serventia. Nada de guardar no fundo do armário. Só vai ocupar espaço, impossibilitando a entrada de sensações novas.

Isso nada mais é que o reconhecimento que nesta vida nada é para sempre. Tudo é mutável, principalmente conceitos. Porém, lembre-se que voltar ao passado com o propósito de reavaliar não significa viver no passado.

Ninguém vive de passado, nem de futuro. Vive-se no presente. A observação é necessária para projetar o futuro, fazendo com que as ações do hoje se tornem lembranças agradáveis um dia. Ou então apenas esperanças de sentimentos que preenchem a alma com amor.

Por isso, não se assuste com essa vontade de entrar no túnel do tempo nesta época do ano. É mais que natural procurar fazer esta auto-análise. Talvez seja um mecanismo de sobrevivência ou então mais um comportamento estranho do ser humano que adora procurar respostas para tudo, até mesmo para aquilo que ele não precisa.

Anúncios

Written by Babi Arruda

28/12/2010 às 11:31

8 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. ADOREI …. Fiz a auto análise do meu ano .. mudei alguns conceitos e agora estou bem feliz, evoluir é necessário e muito bom….

    Carla Cavalcante

    28/12/2010 at 11:34

    • Evoluir é uma premissa básica 😉

      Beijocas

      Babi Arruda

      11/01/2011 at 15:38

  2. falanso nisso, até parei a minha em janeiro. Tenho que retomar. 2010 foi um dos melhores anos da minha vida, e que me fez crescer muito!

    Jazz

    28/12/2010 at 11:35

    • Então retome uma reflexão. É sempre bom colocar tudo na balança para repetir as fórmulas de sucesso 😉

      Bjsss

      Babi Arruda

      11/01/2011 at 15:39

  3. É realmente há duas maneiras de olhar a vida uma real e outra ideal onde uma completa a outra, eu não acredito que todas as coisas velhas deviam ser jogadas fora, algumas coisas antigas acabam sendo clássicos da vida e merecem sempre ser lembrados. A retrospectiva é uma boa pedida para analisarmos o que já passou, vivermos o agora e permitirmos que o futuro seja melhor. BOAS FESTAS

    Sandro Henrique Meireles Almeida

    28/12/2010 at 13:28

    • Eu acredito que algumas coisas devam ser jogadas fora porque não acrescentam em nada, apenas atrasam a evolução. O que não serve mais, vira obsoleto e não tem o por quê permanecer em nossa vida. Reciclar faz parte da retrospectiva 😉

      Muito obrigada por visitar meu blog…volte sempre =)

      Beijos

      Babi Arruda

      11/01/2011 at 15:40

  4. Realmente esse é um tempo de Reflexão #meau…2010 foi um ano muito bom, o que minha vida mais mudou nos últimos tempos, e 2011 já veio com tudo, muita coisa acontecendo, muitos desafios e uma expectativa enorme do que vou ter alcançado quando chegar em dezembro novamente…Veremos!
    Bjosss

    Thiago Peixoto

    11/01/2011 at 14:50

  5. Estas meditações não deveriam se restringir apenas a estas épocas do ano. Fechamos e abrimos ciclos constantemente e este balanço é necessário sempre! Infelizmente vem a vida e não nos deixa parar para analisar tudo o que precisamos analisar, aí empurramos esta tarefa mental para estes marcos, datas especiais. Por outro lado, não dá também para sentar na janela e ver a vida passar sem fazer nada a respeito, só “avaliando”.
    Fiz esta auto-análise no ano passado e serviu para higienizar várias áreas sombrias dentro de mim.
    Isso deve ser exercício habitual da gente.

    Um beijo!

    Pacha Urbano

    19/01/2011 at 11:29


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: