A Esperança da Caixa de Pandora

Apesar de todo o caos ela existe!

Vamos fazer um cooper?

leave a comment »

preguiça

Ai…acho que não vou terminar esse artigo hoje não! Vou deixar pra depois, começou a chover agora, está ficando muito tarde e falta apenas uma hora e meia para a novela começar. Quem já não disse isso antes ou teve uma atitude parecida quando quer protelar o andamento das coisas?! Quem levantou a mão e disse nunca é um baita de um mentiroso!

 

O ser bicho preguiça está enraizado em muitos de nós, acostumados com o caminhar leve e tranqüilo da vida. Nunca fui de esperar que a vida resolvesse meus problemas. Eu sempre fui atrás dos problemas e das soluções também. Mas há aqueles que têm raízes em lugares de pernas. Que para fazer qualquer tipo de movimento tem que praticamente ser empurrado por uma empilhadeira.

 

Essas pessoas não produzem, não criam, não renovam, não vivem simplesmente sobrevivem. Sempre a espera que alguém ou alguma coisa mova ao seu redor e mude a ordem natural do universo. Estão elas ali, paradas, tristes e rotineiras, presas na própria inércia.

 

Nessa hora eu pergunto: no que essas pessoas contribuem? Qual benefício ela proporciona a si mesmo e aos outros? Elas são um retrocesso na máquina administrativa do planeta porque não ajudam na evolução da espécie. É só pensar que tudo que é parado não ajuda em nada: água parada dá dengue, trânsito parado é um inferno, processo parado no fórum é uma tristeza, partida de futebol parada dá revolta…tudo que tem uma energia estática não traz vantagem a sociedade.

 

A preguiça é um pecado capital e de vez em quando acabamos tropeçando nela. Mas transformá-la como forma de vida meu amigo, realmente, é como se não existisse vida dentro de você. Ser apenas um observador e não um agente na realidade cósmica deve ser muito chato, com mil desculpas.

 

E o mais controverso disso tudo é que as pessoas mais preguiçosas que conheço, são também as que têm mais potencial. Elas são na sua grande maioria seres dotados de um intelecto extraordinário, porém estagnadas nas suas próprias idéias. Não andam para frente e nem para trás. Não vão na horizontal nem na vertical.

 

O ideal para essas pessoas é o cooper. Sim, cooper! Esticar as pernas um pouquinho, fazer alguns movimentos básicos, isso é o começo do começo. Se você conhece um bicho preguiça desses, mande-o fazer um cooper. Diga que a sobrevivência do planeta depende dele. Se ele perguntar o porquê levante o braço, erga o dedo indicador, faça movimentos circulares e diga: circulação de energia!

 

Tenho certeza que se no mínimo ele não for fazer o cooper direto vai pelo menos correr para bem longe de você, considerando a sua pessoa algum tipo de lunático ou usuário de alucinógenos.

 

Mas vamos deixar logo de preguiça e encerrar este artigo. Já estou ficando cansada de tanto digitar. O ideal mesmo seria tirar uma soneca antes de concluir este parágrafo. Sim, é isso! Que mal há em deixar as coisas pela metade?! Depois eu termino! Amanhã é um outro dia! Putz, mas amanhã tenho um outro compromisso. Não tem problema. Vou deixar tudo para depois de amanhã e seja o que Deus quiser!

 

*Publicado em 22/02/2008

Anúncios

Written by Babi Arruda

21/10/2009 às 19:15

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: