A Esperança da Caixa de Pandora

Apesar de todo o caos ela existe!

Nada se cria, tudo se recicla

leave a comment »

Um dos maiores gurus da comunicação de massa conhecido por todos como Chacrinha ou Velho Guerreiro criou um dos jargões mais populares da cultura brasileira: “Nada se cria, tudo se copia”. Atualizando essa frase para o século 21, com a onda do ambientalmente correto, podemos dizer que em comunicação “Nada se cria, tudo se recicla”.

 

A nova moda que está presente no discurso de 99% dos comunicólogos atualmente é a palavra CRM. Mas o que é CRM? Significa Customer Relationship Management. O que? Ainda não entendeu? E se eu falar Marketing de Relacionamento?! Acredito que agora você tem uma idéia do que estou falando.

 

A palavra é nova, mais sofisticada, mas o conceito é bem próximo do que já conhessíamos, ou seja, somente através da fidelização do cliente conseguiremos bons resultados, focando nas suas necessidades e prioridades e não focando em seu produto ou até mesmo no mercado.

 

Esse conceito não é novo dentro da comunicação empresarial, porém o grande diferencial nos dias de hoje é que tudo isso está aliado a uma alta tecnologia de banco de dados.

 

Bom para nós comunicólogos que conseguimos direcionar uma estratégia de comunicação com muito mais eficiência e ótimo para o cliente quem tem seus anseios, desejos e ambições correspondidos.

 

No entanto, acredito que um certo cuidado deve ser tomado no uso dessa termologia, pois a probilidade do seu cliente não entender o que significa esse “fenômeno da comunicação” é muito grande. Já foi um custo a palavra Marketing de Relacionamento entrar no vocabulário empresarial, imagine uma sigla de três letras.

 

Infelizmente o atraso cultural não se resume somente a massa, mas também se estende a boa parte do empresariado brasileiro, que por muitas vezes acha desnecessário a criação de uma departamento de comunicação em suas empresas.

 

Mudar essa concepção que está irraízada nas entrenhas da filosofia política do empresário é muito difícil. É um trabalho de formiguinha. É tratá-lo como uma criança que precisa ser alfabetizada, ensinando-o de forma lúdica a necessidade de uma relação estreita entre a empresa e seu público.

 

O Marketing de Relacionamento ou CRM, como preferir, sempre foi, na minha opinião, o calcanhar de aquiles de um planejamento estratégico. Por que se você não conhece o seu cliente e não estabelece uma comunicação transparente com seus públicos, como então terá condições de falar por ele?!

 

*Publicado em 14/10/2005

Anúncios

Written by Babi Arruda

21/10/2009 às 16:24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: